Virtudes e Dons do Espírito Santo

 

Os círculos concêntricos representam em ordem crescente, do interior para o exterior: Graça, Virtudes Teologais, Virtudes Cardinais, Dons do Espírito Santo, Frutos do Espírito Santo e Pecados Capitais.

 

As virtudes morais operam sob o impulso do raciocínio impelido pela Graça das Virtudes Teologais segundo o artigo Virtudes Cardinais, e os Dons do Espírito Santo aperfeiçoam as virtudes morais e teológicas.

As Virtudes e os Dons do Espírito Santo são elementos necessários na vida sobrenatural e na salvação. As virtudes teologais aperfeiçoam faculdades humanas para que possamos viver como filhos de Deus, e os dons do Espírito Santo aperfeiçoam as virtudes morais e teológicas para que possamos executar eficazmente atos que lhe correspondem. Cada dom aperfeiçoa um ou mais virtudes morais/teológicas, por exemplo, o Conhecimento opera na e o Temor de Deus na Temperança.

As virtudes morais e teológicas são aperfeiçoadas pela Graça, enquanto os dons só funcionam sob a orientação do Espírito Santo, como Lhe agrada. Portanto, as virtudes são humannas e os dons são espirituais; portanto, podemos usar as virtudes quando desejarmos, mas os dons operam somente quando o Conselheiro desejar. As virtudes são ativamente exercida pela alma, ao passo que a alma é passiva, sob a influência dos dons, embora exigem a colaboração da inteligência e da vontade.

O Reverendo Brian Shanley, OP, contrasta os dons com as virtudes desta maneira:

“O que os dons operam além das virtudes teologais (que pressupõem) é dispor o agente às sugestões especiais do Espírito Santo no exercício das virtudes; os dons são necessários para a operação perfeita das virtudes, especialmente em situações difíceis devido à fragilidade humana.”

Advertisements
This entry was posted in Português and tagged . Bookmark the permalink.

One Response to Virtudes e Dons do Espírito Santo

Comments are closed.