Conversão e Segunda Vinda

 

“Entrega-te a Mim e orientar-te-ei na tua missão,” prometeu-me o Espírito Santo segundo o artigo Diálogo com o Espírito Santo. Ele aconselhou-me a escrever intensamente porque os acontecimentos que conduzirão a A Segunda Vinda de Cristo estão a desenrolar-se rapidamente.

A foto acima e a seguinte cláusula do Diário de Irmã Faustina ilustram a resposta de Cristo para aqueles que se arrependem e se aproximam de Deus.

“[Vamos] maiores pecadores depositem a vossa confiança na Minha misericórdia. Eles têm o direito antes que dos outros de confiar no abismo da Minha misericórdia. Minha filha, escreve sobre a Minha misericórdia para com as almas atormentadas. Encantam-Me as almas que apelam à Minha misericórdia. A essas almas concedo mais graças do que elas pedem. Não posso punir até mesmo o maior pecador, se ele fizer um apelo à minha compaixão, mas pelo contrário, Eu justifico-o através da Minha misericórdia insondável e inescrutável. Escreve: antes de eu vir como um Juiz justo, vou antes abrir a porta larga da Minha misericórdia. Aquele que se recusa a passar pela porta da Minha misericórdia tem de passar pela porta da Minha justiça …”   (Diário 1146)

Advertisements
This entry was posted in Português and tagged . Bookmark the permalink.